Couverture fr.jpg
 
 

Apesar da tempestades pelas quais todos passamos, o que nos define de verdade é o que nos tornamos durante e após tais tempestades. Superar as dores diárias e ainda assim permitir-se viver com alegrias e sabedoria não é algo fácil, mas garanto que uma certa pastora da Capadócia pode nos ajudar nesta jornada.

 
 

Sobre a autora

Adriana Martins é brasileira, pé-vermelho, curitibana, francesa, todas essas coisas juntas e às vezes só uma delas.

Historiadora convertida em escritora, lançou seu primeiro livro, Berenice da Capadócia: a jornada do não-herói em 2020 e desde então tem colocado sua mente e sua alma em seu romance histórico.

Se você pedisse à ela apenas uma razão para escrever, a palavra que ela lhe daria seria: compartilhar!

E como escrever é tão importante para ela, também mantêm um projeto literário em seu blog: Love me tender. Uma série de contos de amor e música. Quem não gosta? 

Você pode acessar o blog aqui

d6ba9b32-2e71-4c5f-b9b7-6844932cc35e_edited.jpg
 
  • Instagram
  • Facebook
  • Preto Ícone Spotify

​Entre em Contato